Visão de Saúde

Segundo Rudolf Steiner saúde é o equilíbrio entre as forças do viver e do morrer, é um equilíbrio dinâmico presente em cada movimento, respiração, pensamento ou atitude, ilumina os campos do pensar, do sentir, e da vontade sendo traduzidos em vários âmbitos. 

No SISTEMA NEURO SENSORIAL ancora a presença, a clareza do pensar 
No SISTEMA RÍTMICO ancora o equilíbrio entre as forças dos sistemas neurossensorial e metabólico, promovendo o bem sentir e o bem querer 
No SISTEMA METABÓLICO as forças do viver, através da nutrição e do sono, e do movimento. 

Saúde não se traduz pela ausência de adoecimento como na medicina ocidental clássica, mas se orienta pela presença de um EU superior encarnado na matéria, permeando a vida e se relacionando com ela, em todos os seus âmbitos, permitindo a aproximação de seu corpo de todos os limites sem no entanto perder-se neles. 

Passar por tudo, pelos momentos, pelos dias e pelas doenças inclusive, as vezes criando a própria doença para equilibrar partes ou sistemas inteiros, como no caso das febres e doenças próprias da infância. Então não se torna possível definir se alguém é saudável se ele nunca deparou-se com qualquer doença. 

Para mim saúde é viver presentemente as bordas e o meio, é saber-se vivo
e melhor após cada desafio físico ou emocional. É reconstruir-se, deixar morrer e deixar nascer todos os dias.

Universo Feminino

É uma honra e alegria  falar dessa força que permeia tudo no Universo. Viver o feminino é ser a detentora do tempo e da vida desde o inicio, trazendo as nossas próprias sementes desde o útero materno. É ver a vida se multiplicando em todo  os reinos e querer  tornar-se parte, é querer colorir , dançar , brincar e fluir ao mesmo tempo conectar com o mundo interior, é abrir-se ao suprasensível, é  intuir para depois saber.

Falar do feminino implica em geração , implica em criação de filhos, animais, projetos, ou qualquer coisa que se possa criar.

É preciso reverencia  ao feminino uma vez que ele permeia toda vida, independentemente de gênero, todos em nossas vidas embrionárias passamos pela genitália primordial que é feminina, todos somos gerados dentro de um ventre feminino, e eu gosto particularmente de pensar que nascemos num planeta feminino. 

Nas antigas tribos Sioux  o feminino era atribuído à mãe Terra, e qualidade masculina era atribuída ao pai Sol. A Terra é onde o calor vindo do Sol pode ser acolhido, e junto com ela promover vida. . Ela é aquela que estrutura, nutri, acolhe, protege, espera. É sobre a Terra que as águas  brotam de suas entranhas , se mostram, dando origens  a um sem fim de belas paisagens, abrindo seus caminhos , cada qual à sua maneira generosa

Coincidentemente a forma de nossa Mãe  Terra é redonda, assim como
a dos úteros gravídicos em seu termo, assim como os óvulos de onde somos gerados. Eu gosto de fazer esse paralelo com a vida biológica e  cósmica. 
É interessante observar que ciclos lunares de 28 dias exercem tanta influencia nas mares e na agricultura  como nos nossos ciclos menstruais
e nos partos. Falar desses ciclos e dessa energia é falar das mulheres e de tudo que acolhe, nutre, dá sustentação, gera, cria, e dá vida.


ESPECIALIDADES

CASES

Conscientização 5 a Sec Falando de saúde feminina

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry’s standard dummy text ever since the 1500s imen book.

VEJA MAIS

DEPOIMENTOS

“Eu considero a Dra. Janete muita mais que a minha Ginecologista.
Ela me ajudou a me conhecer melhor, reconhecer meu corpo e minhas limitações. Ela cuida de cada paciente com dedicação e um carinho sem tamanho..”

LUIZA SOUZA